Parâmetros da Água do Aquário

Avalie este item
(3 votos)
Sempre ouvimos dizer sobre valores de água do aquário ,falta de Cálcio ,Reserva Alcalina(RA) baixa ou PH alto . Perseguimos estes valores e as vezes nem mesmo sabemos porque ou de onde eles vem. A resposta é simples os valores ideais são aqueles que são iguais ou mais próximos aos encontrados na água do mar. Por isto perseguimos estes números ,e são eles.

PH = 8.0 a 8.4
 
Reserva Alcalina ( dKH) = 8° a 10º
 
Amônia = 0
 
Nitrito (NO2) = 0
 
Nitrato (NO3) = 0
 
Fosfato = 0
 
Densidade = 1022 a 1024
 
Temperatura (variável) = 25º a 28°
 
Cálcio = 400 a 450 ppm
*LEMBRE-SE*

NUNCA ELEVE UM PARÂMETRO RAPIDAMENTE.
SE NÃO TIVER O TESTE ADEQUADO NEM COMECE O PROCESSO.
 

Reserva Alcalina (RA) / Cálcio (CA)

De extrema necessidade e cujo o valor tem que estar a níveis aceitáveis ,por que é dela dependem alguns fatores . A começar pelo PH ,onde a R.A deve estar no seu nível ideal pois é ela que mantém o PH estável (alto).Se a RA é baixa seu PH flutua e isto não é bom .Para eleva-la basta fazer uso de pó tamponador também conhecido por Buffer, que na verdade é bicarbonato de sódio +carbonato de sódio ou use bicarbonato de sódio somente. Ao ministrar eu sugiro suspender o uso do kalk (logo falarei dele). Existem 2 maneiras de leitura para a RA. Em mEq/l e dkH onde basta multiplicar mEq/l por 2,8 ai você tem o valor em dkH.

Ex. O teste da Red Sea mede em mEq/l ,basta pegar o valor que é por escala de cor e multiplicar por 2,8 o resultado será em dkH, Se o teste for Alcon que é medido pelo numero de gotas (dkH)é só dividir por 2,8.

Existe também uma relação entre RA e o Cálcio, pois eles precisam estar em equilíbrio senão um compromete o outro. Se a RA está além do necessário o cálcio tende a cair e vice- versa .Mais como saber esta relação .Existe uma fórmula que torna mais fácil o trabalho. 

Cálcio = 20xRA+360

Se o objetivo é manter o cálcio a 400 ppm (partes por milhão)que na minha opinião é o ideal, e a RA do aquário é 1,1 basta usar a fórmula ,onde a somatória tem que ser igual ou bem próxima do valor de Cálcio.

Exemplo:

400 = 20x1,1+360    
400 = 382   

Ou seja a RA está baixa devendo ser elevada e promover assim o equilíbrio. Para saber qual o valor ideal de RA é só inverter a fórmula.

Exemplo:

RA = 400 X 20 dividido por 360  
RA = 2.2

Assim para que o aquário alcance equilíbrio ,devemos elevar a RA de 1,1 para 2,2 via tamponador. Para elevar o nível de cálcio adiciona-se cloreto de cálcio ou cálcio concentrado vendido nas lojas de aquários. Sempre dosando lentamente.

Depois de acertada a relação entre RA e Cálcio ,mantêm-se estes níveis usando Kalkwasser (do alemão Água Calcárea) ,que é Hidróxido de Cálcio em pó diluído na água de reposição .


Procedimento

Dilua 1 colher de café ou uma quantidade que supra o cálcio que foi absorvido, cada sistema tem uma medida diferente de Hidróxido de Cálcio e reponha a noite ,depois das luzes apagadas . Como o Kalk tem PH bem alto ele compensa a queda do PH noturno do aquário, portanto nunca dose o Kalk em excesso correndo risco de subir demais o PH. Este processo pode ser feito utilizando-se um Equipo Hospitalar (injetor de soro) dosando gota a gota o liquido no aquário. Outra entre inúmeras funções do Kalkwasser é o de precipitar fosfato tornando assim a água de reposição mais pura. Hidróxido de Cálcio ,Bicarbonato de Sódio e Cloreto de sódio são facilmente encontrados em farmácias de manipulação ou laboratórios específicos.


Densidade

É a concentração de sais existentes na água do mar , ela poderá variar de acordo com a evaporação e a temperatura .Pois como evapora água do aquário a diluição do sal diminui elevando assim a densidade. Mas num aquário com reposição de água doce ,onde a temperatura varia muito, a salinidade se mantém mas a densidade flutua . Ou seja se o aquário tem densidade 1020 a 30º esta densidade irá para 1025 a 16º,mas a salinidade (concentração de sais) se manteve a 33%,por isto é importante também administrar a variação brusca de temperatura para que não ocorram também flutuações de densidade .

Segue abaixo uma tabela.

Salinidade 33%
Salinidade 34.5%
Salinidade 36%

Densidade a 16º
1025 g/cm³
1026 g/cm³
10265 g /cm³
Densidade a 20º
10235 g/cm³
1025 g/cm³
10255 g /cm³
Densidade a 25º
1022 g/cm³
1023 g/cm³
1024 g /cm³
Densidade a 28º
10215 g/cm³
10225 g/cm³
1023 g /cm³
Densidade a 30º
1020 g/cm³
10215 g/cm³
10225 g /cm³

Fonte SERA GUIDE

Para se manter uma densidade sempre constante, se deve fazer uso de uma caixa de reposição, esta por intermédio de uma bóia controla a evaporação repondo água doce. Tendo um sistema que tenha sump e reposição de água doce, fica fácil aumentar ou diminuir este parâmetro .Se quiser baixar é só retirar água do aquário principal que a reposição de água doce se incude de repor , assim a densidade cai.

Para elevar , retire a água doce da caixa de reposição e coloque água salgada, lembre-se o sal não evapora, então sua densidade irá aumentar gradativamente , quando ela chegar no limite desejado, retire a água salgada que sobrou na caixa e reponha a água doce, pronto desta maneira você altera sua densidade sem dar choques e de maneira lenta.

Quando retiramos ou adicionamos rochas com corais no aquário como elas ocupam espaço isto influencia na densidade.

Quando compramos peixes importados é interessante saber a densidade do local de coleta pois ela poderá mudar de local para local .Ex. Mar Báltico e Mar vermelho.


Temperatura

A temperatura da água, influencia diretamente nos parâmetros gerais do aquário. Aumentando ou diminuindo a taxa de dissolução de substancias na água. Desse modo, influenciando a densidade, o PH, ORP, O2 dissolvido ,afetando os parâmetros físico - químicos da água.

Quanto mais alta a temperatura menos oxigenação ela terá, por isto a água salgada deve ser muito oxigenada e choques devem ser evitados.

Outra coisa que a temperatura influencia, é no comportamento e metabolismo dos organismos do aquário. Sendo o aquário, constituído por animais heterotérmicos e que estão adaptados as temperaturas e outros parâmetros, idênticos ao do lugar de origem, a temperatura deve ser constante e com o mínimo de variação possível


Nitrato 

Este sem duvidas num aquário de corais é o maior vilão , mais existem maneiras de controlar. A maneira na minha opinião é usar um bom substrato de fundo ,e um bom e potente skimmer. O skimmer potente retira a sujeira antes mesmo dela se transformar em nitrato (elimina no inicio do ciclo) O substrato desde que bem montado consome este Nitrato de maneira natural desde seja respeitado alguns fatores como:

  • Quantidade de peixes
  • Quantidade de comida no sistema
  • Qualidade da água de reposição

Quarentena

Quarentena é feita em um pequeno aquário(a parte),utilizando-se a mesma água do aquário principal, onde é colocado somente uma bomba pequena para circulação ou pedra porosa , iluminação leve e mais nada, este processo é realizado a fim de receber novos peixes, onde serão analisados indícios de doenças e posteriormente utilizado para adequar o peixe a viver nas condições do seu aquário.
Nunca utilize medicação no aquário principal, qualquer sintoma de doença utilize o aquário quarentena.
No aquário de quarentena, você tem que adaptar o peixe à nova condição de habitat, isso significa, adaptá-lo a uma nova condição alimentar , procure no início saber seus hábitos alimentares e aos poucos introduza alimentos industrializados como flocos ou alimentos naturais como alface, espinafre, artêmia etc...
Lembre-se a água do aquário de quarentena, deve ter os mesmos parâmetros da água do aquário principal.



Alimentação

Este é um fator muito importante para se ter peixes sadios, antes de adquirir um peixe analise seus hábitos alimentares (carnívoros, algueiros etc..), pois a partir deste dado, você irá adequá-lo a tipos de alimentação como os descritos abaixo:

Industrializada = flocos (Spirulina, Wardley,Blood Worms)
                             líquida (Tetra Marine, Invertebrate).

Naturais = alface, espinafre, chicória, etc...
                  artemia salina, camarão e vôngoli.

Caseiras = patê feito em casa com espinafre, cenoura, camarão ou vongoli (guardar em freezer).
 

Fonte: Thereefs

Mais nesta categoria: « Troca Parcial de Água (TPA)